Kmaleon Entrevista Yapay (parte 1): Como otimizar as suas Campanhas e os Links Patrocinados? – Com Thadeu Arias

Mesmo em tempos de crise e com os impactos financeiros que muitos estabelecimentos estão passando, a primeira coisa que pensamos é cortar os investimentos em Marketing.
Porém, essa não é a melhor decisão, pois será através das campanhas pagas (links patrocinados no Google ou publicações nas Redes Sociais) que você possivelmente encontrará uma saída lucrativa.

Manter investimentos em divulgação pode ser uma alternativa para o empreendedor não perder o sono em meio as incertezas econômicas no Brasil. Afinal de contas, o consumo não parou, apenas mudou para o canal digital.

O profissional e especialista em técnicas de Growth Hacking, Inbound Marketing, SEO e E-commerce, Thadeu Arias, deu dicas matadoras para você otimizar os seus links patrocinados no Google Ads e as publicações no Social Ads (Facebook e Instagram).

Thadeu é Marketing Hacker na empresa Yapay e deu uma entrevista completa para um dos Co-Fundadores da Kmaleon, Matheus Emboava.

Veja a entrevista completa a seguir:

Matheus Emboava

Quando escutamos a palavra “crise”, ou “meu negócio não está indo muito bem”, a primeira coisa que pensamos é: Cortar Custo. Qual sua opinião sobre os investimentos em mídias pagas nesse momento?

Thadeu Arias

É fundamental manter os investimentos em mídia, mas, com os pés no chão. Hoje, dependendo do momento de cada negócio (principalmente para quem está no início), é difícil se manter somente com o orgânico.

Por isso, eu sugiro que os empreendedores tentem fazer os cortes de investimentos em lugares que não afetem diretamente as vendas. Recomendo a contenção de gastos com embalagem ou com alguns insumos do dia a dia.

Uma dica que sempre costumo dar sobre orçamento de compra de mídia é se basear em um percentual do faturamento do mês anterior e não em um valor fixo. Vou dar um exemplo para ilustrar melhor.

Imagine que no mês passado o seu faturamento foi de 100 mil. Com base nisso, para este mês, separe 10% desse valor para investir em mídias patrocinadas.

Fazendo isso, você conseguirá um crescimento sustentável, sem gastar mais do que pode, além de não limitar o seu crescimento. Quanto mais você conseguir vender, maior será a sua verba futura.

Se a sua situação financeira apertar, lembre-se de não gastar mais do que você pode.

Outro ponto de atenção é sempre ficar atento aos KPI’s das campanhas, para que assim você consiga realizar as otimizações necessárias. Uma vez que você consiga aperfeiçoar as suas campanhas, mais chances você terá de você ter os melhores resultados possíveis e com um orçamento menor.

Por isso, mantenha a atenção ao seu custo de conversão ou aquisição. Esse é um dos principais indicadores de saúde das suas campanhas. São eles que vão ajudar a evitar que você perca dinheiro. Se você pagar R$ 25,00 para vender um produto de R$ 15,00, você vai ter prejuízo.

Em outras palavras, você não pode investir em campanhas e esquecer da sua margem de lucro. Por isso, acompanhe a relação entre o orçamento diário e Custo Por Clique (CPC). Tente manter essa relação saudável e proporcional.

Por exemplo, um orçamento diário de R$10, não vai ter bom desempenho com um custo médio por clique de R$1,50.

Além disso, invista em campanhas de remarketing (ou retargeting), seja para os seus links patrocinados no Google ou publicações no Facebook. Esse tipo de anúncio costuma custar menos e traz bons resultados. Lembre-se que, uma vez que seu potencial cliente (em algum momento) já teve contato com sua marca, produto ou serviço, ele estará mais propenso a comprar de você.

Outra dica que eu posso dar é, ficar sempre atento ao ROI (Retorno sobre Investimento) das suas campanhas. Faça a seguinte análise:

A cada R$1,00 investido, qual é o retorno que você tem em vendas?

Esse número precisa ser sempre positivo e, de preferência, acimas de 4%. A maneira mais simples de calcular o ROI é seguindo a fórmula abaixo:

Supondo que a sua receita seja de R$ 25.000 e que meu custo (incluindo o investimento em campanha) é de R$ 5.000, você já consegue calcular o seu ROI.

Veja o cálculo que eu fiz abaixo:

ROI = (25.000 – 5.000)÷ 5.000 × 100
ROI = 20.000 ÷ 5.000 × 100
ROI = 400%

Em outras palavras, você teria um retorno de 400%. Ou seja, a cada R$1 investido, você recebe R$4,00 de lucro.

Para concluir, eu recomendo que você teste muito, mas quando digo para testar é para fazer incansavelmente, até você chegar ao resultado desejado.

Use vários canais, diferentes tipos de artes criativas, modelos de acompanhamento variados e diferentes estratégias de campanhas. Por fim, quanto mais você testar, mais chances você tem de acertar.

Matheus Emboava


Considerando o cenário atual, quais são as principais mídias que você enxerga como estratégicas para um negócio?

Thadeu Arias

Acredito que não exista a “bala de prata” ou “receita de bolo”. Tudo vai depender muito do modelo de negócio e principalmente, estar no mesmo lugar que a sua persona estiver.

Mas sem sombra de dúvidas o Google Ads (Links Patrocinados no Google) é muito forte. Porém, para alguns tipos de negócios, o Social Ads (anúncios no Facebook e Instagram) pode trazer mais resultado.

Mas você precisa conhecer muito bem com quem você quer falar e como se comunicar com pessoas que tenham os mesmos interesses da sua persona.

Vale lembrar que essa comunicação muda muito de um canal de mídia para outro, além de também ser necessário analisar qual é o momento na jornada de compra do seu potencial cliente.

Basicamente, você deve conhecer todos os caminhos que a sua persona percorre na palma da sua mão.

Quando você anuncia em canais de busca e “compra” palavras-chaves mais específicas, como as de cauda longa que são formadas por 3 ou mais palavras, você tem que ter em mente que as pessoas que você quer atingir já sabem muito bem o que elas querem.

Por exemplo: “tênis nike air max preto 42”.

As pessoas que fazem essa pesquisa geralmente estão no fundo do funil de vendas.

Mas também existem muitas pessoas que não sabem que precisam do seu produto ou serviço, ou que ainda estão em dúvida. Para elas, você pode impactar com anúncios em display mais genéricos, anúncios no Face Ads ou nos Stories.

Resumindo: sugiro que você entenda muito bem o seu “avatar”.

Mas não só quem ele é, mas o conheça profundamente os seus hábitos, lugares que frequenta, anseios e receios. Só assim você vai conseguir estar no canal certo e na hora certa para conseguir bons resultados de campanhas.

E não se esqueça, sempre faça testes!
Quer um exemplo do quanto é importante testar?

Tempos atrás eu me lembrei de um bolo que a minha mãe fazia muito na minha infância. Fiquei com uma baita vontade e liguei pra ela, pedindo a receita.

Ela me passou, desliguei o telefone e fui para ação. Quando eu fui colocar o bolo no forno, eu percebi que eu não sabia nem o tempo e a temperatura para assar. Liguei para ela novamente e, para minha surpresa, ela me respondeu que não sabia.

Uai! Como não sabia? Minha infância toda ela fez esse bolo com maestria. Na minha visão, ela é uma autoridade nesse assunto.

Então, veio a frase que até hoje levo comigo:

“Filho, eu não conheço seu forno, não sei que tipo de assadeira você está usando e nem qual é a marca da farinha você usou…”.

A moral dessa história é: esse exemplo também se aplica aos negócios. Se você quiser bons resultados, o primeiro passo é testar. Eu posso dizer que sei como fazer, mas na realidade eu ainda não sei.

Isso porque eu não sei como o seu modelo de negócio funciona.

Kmaleon está com uma série de ações e conteúdos para mostrar os caminhos que a sua empresa pode adotar se inspirando nas ações de outros profissionais.

E saiba como contornar a crise do COVID-19

Fique por dentro de outras Entrevistas, Artigos de Opinião e Dicas de Negócios através da Newsletter da Kmaleon. Basta se inscrever preenchendo o Formulário a seguir. 😉

Obrigada. 😉

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.