Kmaleon Entrevista: Como reduzir custos nos Escritórios de Advocacia em Tempos de Crise? – com Christian Majczak

O impacto da pandemia do coronavírus tem afetado diversos tipos de negócio e dentre eles, as áreas de direito e os escritórios de advocacia.

Certamente, muitos advogados estão estudando a possibilidade de reduzir os custos em seus escritórios, de forma que esses cortes não influenciem na qualidade e produtividade do trabalho executado.

Um dos caminhos possíveis de redução de corte é utilizar os benefícios que a tecnologia entrega, para agilizar processos burocráticos que geralmente demandam muito tempo quando executados de forma manuais.

A Transformação Digital, da qual é muito comentada atualmente, também chegou nas áreas jurídicas.

O Christian Majczak, CEO do Software LawVision, conversou com o Matheus Emboava, Co-Fundador da Kmaleon sobre como é possível utilizar tecnologias e análise de dados para reduzir gastos e melhorar os seus processos para escritórios jurídicos.

Confira a entrevista completa

Matheus Emboava

A transformação digital é algo que está presente em todos os negócios e a cada dia, mais empresas digitalizam seus processos. Como você enxerga os avanços no mercado, mas principalmente na área do direito?

Christian Majczak

Assim como a transformação digital alcança todos os segmentos, com o mercado jurídico não é diferente.

Cada vez mais os escritórios jurídicos estão sendo pressionados a oferecer serviços a preços menores, seja pelo aumento constante do nível de competição, com o aumento progressivo de profissionais jurídicos ingressando no mercado, ou pela diminuição da demanda de serviços em decorrência da redução de gastos de possíveis clientes.

Por esse motivo, o caminho para que os negócios jurídicos possam se manter competitivos no mercado é a redução de custos.

Uma das formas mais eficazes de se alcançar essa redução, é melhorar a produtividade e encolher gastos aplicando ferramentas de software de boa qualidade.

Existem soluções de software jurídico para as mais diversas finalidades:

  • Captura de processos;
  • Gestão,
  • Finanças,
  • Contratos,
  • Digitalização;
  • Proteção de dados;
  • Inserção de dados de tribunais;
  • Análise de dados externos e internos (este último aspecto é a nossa especialidade).

Matheus Emboava


Quais são os principais ganhos quando temos um departamento jurídico centrado em dados?

 Christian Majczak

São muitas as vantagens tanto para escritórios quanto para departamentos, entre elas:

  1. Redução de custos e despesas;
  2. Velocidade de respostas e tomada de decisão;
  3. Padronização e aumento da precisão das informações;
  4. Passa-se a enxergar as informações de forma mais abrangente e integrada, fazendo com que as decisões sejam muito mais bem fundamentadas;
  5. Por fim, empresas centradas em dados têm mais credibilidade e visibilidade no mercado.

Para quem domina o inglês, recomendamos o excelente livro “The End of Lawyers?: Rethinking the Nature of Legal Services”, do Richard Susskind, que nos leva à reflexão de que escritórios e departamentos jurídicos têm de repensar o seu trabalho para um formato digital ou não se tornarão viáveis financeiramente.

Matheus Emboava


Quais são os principais indicadores que devem ser avaliados pelo departamento jurídico?  

Christian Majczak

Quando falamos de departamentos jurídicos especificamente, há questões chave a serem respondidas, e todos os KPIs a serem monitorados devem permitir de forma rápida, clara e automática o seu acompanhamento:

#01 – Quanto estamos gastando com as disputas legais da empresa?

Isso vem aumentando ou diminuindo ao longo do tempo?

É importante fazer um comparativo com a evolução do tamanho da empresa para não trabalhar apenas com valores absolutos e induzir a conclusões erradas.

#02 – Qual é a origem dos gastos com os processos legais da empresa?

São questões ligadas ao trabalho, ao relacionamento com o cliente, à forma de contratação, a qualidade dos produtos e serviços?

É crucial essa integração entre a forma como o negócio é conduzido com o efeito na ponta, que são os gastos com processos legais.

#03 – Quais parceiros (escritórios jurídicos) obtém os melhores resultados?

Considere parceiros os escritórios jurídicos. É muito frequente a terceirização no departamento jurídico e a condução de parte ou todo dos processos legais da empresa.

Entenda se os prazos e resultados que os advogados terceirizados informam estão dentro da expectativa. Avalie se é possível comparar os seus parceiros de alguma forma.  

#04 – Recursos parados

Temos algum recurso parado, por exemplo, em depósitos ou garantias judiciais, que poderíamos estar recuperando ou aplicando na empresa? Quanto é esse montante e a que processos estão ligados?

#05 – Gastos do Departamento

Quanto estamos gastando com nosso departamento jurídico? Consigo comparar isso com a economia nas disputas legais?

#06 – Análise de Risco

Qual é o nosso nível de risco e qual é a nossa projeção de gastos com assuntos judiciais nos próximos meses?

Vejam que responder essas questões de forma contínua e objetiva, se for um trabalho manual requererá grande tempo e esforço.

Matheus Emboava


Em uma mensagem final, gostaria que você compartilhasse com a gente qual é a importância do Mindset de dados para o advogado?

Christian Majczak

A LawVision se preocupa não só em fornecer a tecnologia necessária para que os advogados tomem decisões bem informadas, ou seja, como obter respostas rápidas e precisas; tão ou mais importante do que isso é agir com a informação que temos, e sempre questionar o “Por quê?” das coisas.

O faturamento caiu? Por quê? Em quais clientes, em quais serviços?

O estoque de processos diminuiu? Em quais matérias ou especialidades?

Será que não estamos gastando mais horas do que o projetado com um determinado contrato? Quem é o advogado responsável?

E, o mais importante, o que vamos fazer para melhorar isso?

Esse é o mindset para o advogado moderno, para a “Advocacia 4.0”: questionar e agir.

Nosso abraço para todos os amigos advogados e advogadas e uma mensagem final:

Cuidem de sua saúde e fiquem bem. Trabalhem à distância com ferramentas digitais!

Essa foi a entrevista do Christian da LawVision para o Matheus Emboava. A Kmaleon está com uma série de ações e conteúdos para mostrar os caminhos que a sua empresa pode adotar se inspirando nas ações de outros profissionais.

E saiba como contornar a crise do COVID-19

Receba outras entrevistas e dicas importantes para o seu negócio. É super simples, você preencha esse formulário abaixo e pronto, já está dentro do nosso grupo. 😉

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.