5 Maneiras para você começar a Vender Online

Está buscando alternativas para vender os seus produtos ou serviços na internet? Para você que está se familiarizando com os canais digitais, separamos alguns meios de vendas online que você pode começar a utilizar.

Mas antes de colocar mãos à obra para vender os seus produtos/serviços online, recomendamos que você identifique qual é o seu perfil de cliente ideal, analise o seu mercado, os seus concorrentes e assim, estabeleça um objetivo de vendas.

Entender sobre os conceitos básicos de Marketing vai te dar uma base muito boa para pensar em como crescer e obter sucesso nas vendas online. Por isso, sugerimos que você elabore um Plano de Marketing.

#01 – Marketplace:

Fonte: Freepik

O Marketplace é um canal de venda online onde você pode usar a estrutura de uma empresa já consolidada no mercado, como por exemplo o Walmart, Netshoes, Americanas, Amazon e outros grandes varejistas que oferecem esse tipo ser serviços.

Isso significa que você pode expor os seus produtos em um espaço de empresas consolidadas no mercado e utilizar da força da sua marca para passar credibilidade e confiança.

Esse canal para vender online é uma excelente alternativa para quem está começando e não tem tanto conhecimento sobre Marketing Digital.  

Em uma analogia feita por Bruno Kerber, Co-CEO da plataforma de ERP da Sistema Lexos Solução em Tecnologia, o Marketplace é como se fosse um shopping center e a loja virtual é seria uma loja de rua.

Eu gosto de fazer uma analogia comparando o Marketplace a um shopping center e o Ecommerce como uma loja de rua. Para você montar em uma loja de rua e trazer gente para a sua loja, você tem que investir muito em mídia e em Marketing.

Já o Shopping já traz o fluxo de pessoas para a frente da sua loja. No caso do Marketplace, você montando uma loja lá dentro, mesmo que muita gente reclame das comissões, eu considero como um grande potencial para você fazer a sua marca.”

Geralmente, os Marketplaces cobram uma comissão pelo uso da estrutura. Por isso, antes de escolher em quais varejistas atuar, faça um estudo sobre essas comissões e reveja o seu preço, analisando o quanto você precisará investir no processo logístico.

Quanto mais Marketplaces o seu produto estiver cadastrado, maiores serão as suas chances de fechar um negócio. É muito comum ver empreendedores oferecendo o mesmo produto em diferentes lugares.

Por isso, para fazer uma gestão eficiente de diferentes Marketplaces, recomendamos que você utilize uma ferramenta de Hub de Integração. Você pode consultar em plataformas de Reputação de Softwares como a Kmaleon quais são as opções disponíveis no mercado e o que os clientes dessas ferramentas estão falando sobre ela.

#02 – Loja Virtual:

Criar uma Loja Virtual significa ter um espaço de vendas direta e exclusivo da sua marca. A vantagem de ter um E-commerce é que você pode monitorar com mais facilidade quem são os visitantes da sua página, entender o comportamento de compra e trabalhar em melhorias contínuas.

Para desenvolver uma Loja Online, você precisa ter uma plataforma de E-commerce para construir toda a sua estrutura do seu site.

Existem muitas ferramentas para todos os tipos de necessidades disponíveis no mercado e você pode consultar as mais bem avaliadas por quem já tem um E-commerce em plataformas de Reputação como da Kmaleon.

Você já tem uma Loja Virtual?

Dicas para entender o comportamento dos visitantes da sua página:

Existem diversas ferramentas que você pode usar para analisar o comportamento do seu usuário no seu site. O Google Analytics é oferecido gratuitamente pelo Google, mas você pode utilizá-lo com outras ferramentas como o Lucky Orange, que permite analisar com mais profundidade a experiência dos seus visitantes.

Funcionalidades como Mapa de Calor, onde identifica quais são os pontos mais observados e clicados no seu site são oferecidas por diversos softwares de analytics. Sugerimos que você faça uma comparação das opções existentes no mercado e utilize a que você mais se identifica.

Outro fator importante é que você pode trabalhar com anúncios patrocinados no Google ou no Facebook para levar mais audiência ao seu site.

#03 – Redes Sociais

Fonte: Freepik

As Redes Sociais também possuem um enorme potencial de venda que pode ser explorado pelos empreendedores que estão buscando trabalhar as suas vendas nos canais online.

Tanto o Facebook, quanto o Instagram contêm um Marketplace que pode ser utilizado pelos usuários e por empresas, e ambas as ferramentas possuem uma excelente usabilidade, tornando o uso muito fácil.

Marketplace do Facebook

O Marketplace do Facebook funciona de forma parecida com a OLX, no formato de classificados. Para divulgar produtos é bem simples. Tanto na versão mobile quanto no desktop você encontra o ícone do Facebook na parte de cima, no formato de uma “lojinha”.

O Passo a passo para você anunciar no Facebook é:

  1. Clique em “vender um item
  2. Título: coloque de forma descritiva e breve o que é o seu produto;
  3. Preço: coloque a sua oferta;
  4. Localização: já vem automática, mas é importante não alterar. A localização servirá como filtro para mostrar o seu anúncio para as pessoas que estão mais próximas de você e com os mesmos interesses no seu produto;
  5. Categoria: Selecione a categoria que mais se encaixa ao seu produto;
  6. Descrição: escreva parágrafos curtos, use gatilhos emocionais, seja rápido e objetivo (jamais deixe em branco essa informação);
  7. Fotos: você pode cadastrar até 10 fotos.

É importante que você trabalhe com fotos de qualidade, textos bem escritos e persuasivos para se destacar e mostrar profissionalismo.

*Importante: os meios de pagamento não são integrados no Marketplace do Facebook.

Para expandir ainda mais as suas oportunidades, não deixe a sua vitrine de produtos esquecida no Marketplace do Facebook. Recomendamos que você compartilhe nos grupos de interesse, desde que isso respeite as regras de cada grupo.

Faça uma lista de grupos que são interessantes para ter o seu produto divulgado e comece o compartilhamento de forma automática.

Por não possuir um meio de pagamento, as pessoas vão entrar em contato com você por meio de mensagens para saber mais sobre aquele produto. Realizando um atendimento atencioso e sendo um bom negociador, certamente você vai conseguir vender nesse canal online.

#04 – Programa de Afiliado

Fonte: Freepik

Ele funciona da seguinte maneira, o anunciador tem um produto ou serviço e o afiliado tem a função de vendê-lo em troca de uma comissão.

Isso significa que você não precisa ter um produto para começar a vender online. Muitos profissionais têm encontrado no programa de afiliados uma forma de ganhar um dinheiro extra usando a sua audiência para oferecer produtos de outras pessoas.

Existem uma infinidade de produtos que participam de programas de afiliados e eles utilizam essa estratégia para melhorar os seus resultados de vendas.

Da mesma forma que você investiria em um anúncio no Google Ads ou nas Redes Sociais, você pode usar o programa de afiliados para ter “vendedores” distribuindo e oferecendo o seu produto.

Além disso, vale lembrar que esse não é um “dinheiro fácil”. Você tem que conhecer sobre Marketing Digital, ser persuasivo, ter uma boa audiência e ter uma boa base de conhecimento prévio sobre o assunto.

As plataformas como Hotmart, Lomadee, entre outras facilitam a integração entre quem é o anunciante e quem são os afiliados.

#05 – E-mail Marketing:

Fonte: Freepik

Com as Ferramentas de E-mail Marketing você pode enviar e-mails, segmentar a sua base de contatos, criar fluxos de envios personalizados e analisar métricas importantes que vão desde o seu índice de conversão em vendas a partir de E-mail, até a taxa de abertura e cliques.

Essa ferramenta é poderosa em estratégias de Inbound Marketing. Cada vez mais o Marketing de Conteúdo é utilizado para atrair contatos interessados e promover a venda através de técnicas de funil de vendas.

Algumas empresas de softwares que desenvolvem essa plataforma entregam o diferencial de criar Landing Pages. Se você não tem uma ferramenta de criação de páginas de conversão ou de finalização de vendas, vale a pena considerar em suas pesquisas contratar uma ferramenta que tenha essa funcionalidade.

Para obter o sucesso em vendas nesse canal de comunicação, lembre-se que o Relacionamento é a chave para o sucesso. Mostre valor para os seus Leads, confirme que você sabe como ajudá-lo, crie conteúdos relevantes e coloque gatilhos de vendas. Quando ele já tiver interagido e engajado com você, ofereça a venda do seu produto ou serviço.

Ao procurar por ferramenta de E-mail Marketing, identifique o que os seus clientes estão falando sobre ela em plataformas de reputação.

Conheça as TOP 4 plataformas para envio de E-mail Marketing mais bem avaliadas do mercado:

Gostou das ideias para você Vender Online?

Quando precisar de uma ferramenta digital, lembre-se de ver as opiniões dos clientes da plataforma. Seja qual for o software, você vai encontrar e poder comparar com outras opções de Ferramentas na Kmaleon.

Faça parte da nossa Comunidade no E-mail!
Receba toda a semana dicas, conteúdos, artigos e muita informação para a gestão do seu negócio. Basta se inscrever no Formulário abaixo. 😉

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.